Barreiras em Pirabeiraba e na divisa com o Paraná após fuga de presos

 

A Polícia Militar e a Polícia Rodoviária Federal (PRF), estão realizando barreiras no posto da PRF em Pirabeiraba e na divisa do estado do Paraná, após a fuga em massa que foi registrada na madrugada desta terça-feira (11), na Penitenciária Estadual de Piraquara, na região metropolitana de Curitiba.

O resgate dos detentos  ocorreu por volta das 3h30, quando cinco caminhões foram queimados no Contorno Leste de Curitiba, de acesso ao estado de São Paulo e também na pista sentido a Santa Catarina.

Parte do bando aproveitou a mobilização da polícia, e armados com fuzis e  dinamite, explodiram o muro da penitenciária e invadiram o complexo. Cera de 30 detentos de alta periculosidade foram libertados. As pistas foram liberadas no período da manha e houve registro de congestionamento de aproximadamente 10 quilômetros nos dois sentidos.

O resgate foi planejado por membros de uma facção criminosa que buscava liberar determinados presos. Durante a madrugada, um caminhoneiro foi baleado, mas os policiais ainda não conseguiram apurar as circunstâncias. O rapaz, de 25 anos, foi socorrido e encaminhado ao Hospital do Trabalhador, em Curitiba.  Buscas estão sendo realizadas durante todo o dia para tentar recapturar os fugitivos.

//