Ministros do STF entendem que Moro deu pretextos para pedidos de punição

 

Ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Superior Tribunal de Justiça (STJ), entendem que o juiz de primeira instância,  Sergio Moro, deu mais um passo em direção à falta de credibilidade e ao fatal enquadramento no rol das violações técnicas e de ofício informou a coluna de Mônica Bergamo, no jornal Folha de S. Paulo.

Para esses ministros, Moro deu um grande pretexto aos que defendem algum tipo de punição a ele quando, no domingo, atuou estando de férias e anunciou em despacho que descumpriria a decisão judicial de Favreto.

“Segundo esses magistrados, a atitude vem na sequência de outra, em que Moro queria obrigar José Dirceu, libertado pelo STF, a usar tornozeleira. Também aquela foi vista como uma rebelião a uma decisão que o deixou contrariado.”

//